OUVIDORIA  |  

Provas da seleção para Residência Médica do Governo foram aplicadas no último domingo (29)

30 de janeiro de 2017

 

Mais de 230 candidatos realizam as provas de Residência Médica do Governo do Estado. Foto: Vanessa Ribeiro

Mais de 230 candidatos realizam as provas de Residência Médica do Governo do Estado. Foto: Vanessa Ribeiro

“Com o serviço médico estruturado na cidade, vai ficar cada vez melhor para absorver os alunos das instituições daqui do Estado. As Residências Médicas oferecidas no Maranhão são bem reconhecidas e fazer a especialização que eu tanto quero, em casa, será muito bom”, afirmou Gabriel Sandrin, médico maranhense que realizou neste domingo prova para Residência Médica em Cirurgia Geral.

As provas para o Programa de Residência Médica do Governo do Estado foram realizadas no último domingo (29), no Colégio Cintra, em São Luís, por meio da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh). No total, são 31 vagas disponíveis para diversas especialidades. Mais de 300 candidatos se inscreveram e apenas 68 faltaram. O certame foi executado pelo Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade).

As especialidades ofertadas são nas áreas de Cirurgia Geral, Clínica Médica, Dermatologia e Urologia – no Hospital de Alta Complexidade Dr. Carlos Macieira; Psiquiatria – no Hospital Nina Rodrigues; Pediatria – no Hospital Infantil Dr. Juvêncio Mattos; Cirurgia Oncológica – no Hospital de Câncer do Maranhão Dr. Tarquínio Lopes Filho. Já as residências em Cancerologia Cirúrgia e Mastologia serão realizadas no Hospital do Câncer Aldenora Bello, fruto de uma parceria com o Governo do Estado.

Buscando uma vaga em Psiquiatria, Onias Rodrigues Filho, veio de Teresina, no Piauí. Ele afirma que já tentou em outros Estados e pela primeira vez fez a prova aqui no Maranhão. “Já ouvi falar muito bem da residência em Psiquiatria daqui e agora resolvi tentar uma vaga”.

Segundo Marcos Pacheco, secretário de Estado Extraordinário de Articulação das Políticas Públicas, é prioridade na gestão Flávio Dino o aumento na oferta de vagas e especialidades médicas no Maranhão. “Estamos fortalecendo as residências que já existiam aumentando a quantidade de vagas, mas agora também estamos trazendo novas especialidades. Um médico maranhense que tem a oportunidade de fazer sua residência aqui, dificilmente irá trabalhar em outro Estado. Os profissionais e a população só têm a ganhar com este novo momento que o Maranhão está vivendo”, explicou Marcos Pacheco.

Rodrigo Lopes, chefe do Núcleo de Residência Médica da Emserh, contou que a oferta das novas residências em Cirurgia Oncológica e Demartologia, representa um grande avanço para o Estado. “O Maranhão era o único que ainda não tinha residência em Dermatologia. Então esse programa também veio para fechar uma lacuna que estava aberta há muito tempo. A nossa expectativa é continuar aumentando a oferta de vagas e credenciamento de novos Programas dentro das unidades da Rede de Saúde do Estado”, pontuou.

Segundo o edital nº 01/2016, o resultado final das provas deverá ser divulgado até o dia 13 de fevereiro. A previsão, conforme a resolução n° 02/2011 da Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM), é que os programas de Residência Médica iniciem já no primeiro dia útil do mês de março de 2017.

Secretaria de Estado Extraordinária de Articulação das Políticas Públicas

Endereço:
Av. Dom Pedro II, S/N, Palácio dos Leões,
Centro – São Luís (MA)
CEP: 65010-070

Fone:
(98) 3012-6565

Email:
gabinete@seepp.ma.gov.br
ascom@seepp.ma.gov.br

Onde estamos

Click to open larger map